IPTV pirata será bloqueado pela Cloudflare, decide justiça

A empresa Cloudflare foi condenada pela justiça da Itália e deverá bloquear dois servidores de IPTV que usam sua plataforma. A empresa foi alvo de uma observação de pirataria na União Europeia por não adotar medidas contra o abuso ao direito autoral.

O bloqueio da Cloudflare pode impactar todo o mundo, já que a empresa é responsável por armazenar os conteúdos na web e replicar o conteúdo para pontos mais próximos do usuário, inclusive no Brasil.

A ação foi patrocinada pela Sky Itália e a Liga de Futebol Serie A que solicitaram a derrubada de dois serviços piratas o IPTV THE BEST e ENERGY IPTV.

Condenações de Milhões de Dólares

Um site já foi condenado a pagar multa de US$ 15,8 milhões para a Dish, uma operadora tradicional de TV via satélite nos Estados Unidos.

No Brasil

No Brasil o Ministério da Justiça já desligou cerca de 300 serviços de TV Pirata que eram usados por 26 milhões de pessoas. Além disso, a Anatel e a Receita Federal confiscaram milhares de TV Box irregulares.

Entre julho e setembro de 2020, o órgão apreendeu mais de 240 mil equipamentos ilegais e já destruiu cerca de 7 mil aparelhos que foram retidos na divisa do Paraguai.

Existe uma estimativa que a TV Pirata está disponível em 4,5 milhões de lares brasileiros. Por enquanto, que a TV paga já tiveram 800 mil contratos encerrados em 2020.

Leave a Comment